VERSOS (IN)VERSOS

11,12


Versos (in)versos, mais do que uma forma de apresentar poesia, pretende que a poesia fale de si própria, numa espécie de introspeção poética. Há versos dentro dos versos, escondidos ou embrulhados em si mesmo, e são esses versos a analisar-se, a criticar-se ou a certificar-se da sua própria existência. Versos que podem ter, e muitas vezes têm, características humanas. E, tal como os seres humanos, podem ser complexos ou simples, mas cuja simplicidade decorre do facto de serem simplesmente complexos. Os versos, nos poemas assim escritos, conduzem os leitores a várias interpretações e leituras. Podem ser lidos de trás para diante, ao inverso de diante para trás, de viés, de baixo para cima ou do fim para o princípio. Mesmo escritos duma forma diferente ou inversa, um verso inverso pode sempre ser lido. Mas independentemente do modo ou da forma como é lido, o importante será sempre a leitura que cada um pode fazer.

Categoría: Código SKU: 9789897795299 Etiqueta: Marca:

Información adicional

Editorial

Autor

Edición

1

Encuadernación

Rústica con solapas con solapas

Formato

15 x 22

ISBN

9789897795299

Páginas

104

Idioma

Fecha Publicación

19/04/2022

IBIC

Temática

País Autor:

Portugal