VÍTIMAS DE SALAZAR

22,64

Edição Especial
Durante mais de 30 anos António de Oliveira Salazar governou Portugal com punho de ferro. Através de um regime nacionalista, autoritário e repressivo despolitizou-se, desmobilizou a participação cívica dos portugueses e criou uma única e determinada imagem do país. Pretensamente sem conflitos, problemas, miséria e dificuldades, segundo a norma de «o que se parece é». Mas os homens e mulheres de então tinham fome, viviam amordaçados pelo lápis azul dos censores, controlados por escutas telefónicas ou violação do seu correio, intimidados pelos informadores que colaboravam com o regime. Atormentados pelas torturas da estátua ou do sono perpetradas pela PIDE.

Categorías: , Código SKU: 9789896262853 Etiqueta: Brand:

Información adicional

Editorial

Autor

Subtítulo

Edição Especial

Edición

1

Encuadernación

Brochada

Formato

16 x 23

ISBN

9789896262853

Páginas

452

Colección

Idioma

Fecha Publicación

19/02/2007

IBIC

HBG 2ADP

IBIC

,

Temática

Info Autor

João Madeira nasceu em Lisboa em 1955. Doutorado em História Institucional e Política Contemporânea pela Universidade Nova de Lisboa. Investigador do Instituto de História Contemporânea da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas. Autor de Os Engenheiros de Almas. O Partido Comunista e os Intelectuais, Estampa, 1996; de Vítimas de Salazar (coordenação), Esfera dos Livros, 2007; Tribunais Políticos (em coautoria), Temas e Debates, 2009. Tem apresentado comunicações a colóquios, conferências e encontros no país e no estrangeiro; comissariado exposições e sido consultor em documentários para televisão. O Partido Comunista, as oposições ao Estado Novo e a violência política têm constituído temas de investigação a que se dedica.