OS GRANDES MISTÉRIOS DO ANTIGO EGITO

23,30


O fascínio pelo antigo Egito permanece intacto. Apesar de já terem passado mais de dois mil anos após o fim desta civilização, muitos são os mistérios sobre os seus costumes, política, religião ou cultura que continuam por desvendar. Quem fundou a monarquia egípcia? O que havia no túmulo de Tutankhamon? Os egípcios acreditavam no Além? O «Livro dos Mortos» era mesmo um livro? O que significa a maldição das múmias? Os egípcios faziam sacrifícios humanos? Porquê tantos escaravelhos? Onde estão os grandes palácios reais? Como eram os haréns faraónicos? Já havia pornografia no Antigo Egito? Porquê tantos túmulos em Tebas-Uaset? Quem assaltou os túmulos reais? Onde estão os túmulos de Alexandre e Cleópatra? Quem foi o maior faraó do Egito? Os egípcios eram mesmo negros? Quantos deuses tinham? Para que serviam os hieróglifos? Os escribas eram privilegiados? Como foram construídas as pirâmides? Quem venceu a batalha de Kadech?
Estas são apenas algumas das perguntas a que o prestigiado egiptólogo Luís Manuel de Araújo responde neste livro ilustrado que resulta de uma profunda investigação e se revela essencial para melhor compreendermos uma civilização notável.

Categorías: , Código SKU: 9789896268145 Etiqueta: Marca:

Información adicional

Editorial

Autor

Edición

1

Encuadernación

Brochada

Formato

16 x 23,5

ISBN

9789896268145

Páginas

550

Colección

Idioma

Fecha Publicación

01/07/2017

Temática

Info Autor

Luís Manuel de Araújo é doutorado em Letras (História e Cultura Pré-Clássica) pela Universidade de Lisboa, onde fez a agregação em 2008, sendo licenciado em História pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, com estágio de pós-graduação em Egiptologia na Faculdade de Arqueologia da Universidade do Cairo (1984-1985). Foi professor de Português e História no ensino básico e ensino secundário, sendo agora professor da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, no Departamento de História (Instituto Oriental), lecionando cadeiras da área de História e Cultura Pré-Clássica, com orientação de teses de mestrado e doutoramento na área de História Antiga (Egiptologia).